7ma Região da Igreja Metodista do Brasil reprova ato de racismo

Translate Page
Be sure to add the alt. text

Para ver pronunciamento oficial do bispo Lockmann sobre racismo abra o seguinte enlace: 

http://1re.metodista.org.br/conteudo.xhtml?c=3021

Conforme foi registrado em sua última plenária, o 1º Concílio Regional da Sétima Região Eclesiástica acolheu e foi solidário à denúncia apresentada contra ato de racismo durante o período dos trabalhos conciliares da Igreja Metodista.  Numa manifestação de unidade e coesão, a delegação da 7ª RE não apenas repudiou todo tipo de preconceito e racismo no meio da Igreja Metodista, mas profetizou que o amor seja uma realidade sobre as nossas igrejas, ministérios e nas nossas relações pessoais (1 Co13.1).

O bispo Paulo Lockmann já está encaminhando as providências cabíveis dentro dos trâmites de processo disciplinar da Igreja Metodista. Apesar de ter se defendido, com retratação e pedido de perdão, o pastor que cometeu a atitude racista responderá à comissão instaurada para o caso.

Be sure to add the alt. text

Para ver o video da denúncia sobre racismo feita no Concilio Regional abra aquí.

A Igreja Metodista no Brasil e no Estado do Rio de Janeiro tem uma História de Justiça e compromisso com as causas sociais, e não apoiam nenhum tipo de ato dessa natureza. Prova disso é a Pastoral de Combate ao Racismo, um dos braços da Igreja, que mantém uma atuação ativa e atenta a expressões envolvendo questões raciais.  

A Igreja Metodista é também vanguarda em ações de oposição à naturalização da violência contra o negro e institucionalização do racismo. Nesse sentido, a Igreja na Sétima Região Eclesiástica entende a gravidade de um ato como esse e convoca todos os que se sentem de alguma forma excluídos, seja por discriminação social, racial, de gênero ou de qualquer outro tipo, a juntar-se aos metodistas numa atitude de fé e oração. 

* Paulo Lockmann es Bispo da Igreja Metodista na 1ª e 7ª Regiões Eclesiásticas. Para ver a publicação original deste artigo, abra o seguinte enlace: http://1re.metodista.org.br/conteudo.xhtml?c=3004

Church Leadership
La Revda. Grandon-Mayer, quien es la primera clériga de origen chileno en servir como superintendente de distrito en la Conferencia Anual del Norte de Illinois, ha sido designada como la nueva directora de Ministerios Conexionales por el Obispo Dan Schewerin. Foto cortesía de la Revda. Fabiola Grandon-Mayer.

Nueva directora hispana en Conferencia del Norte de Illinois

El Obispo Dan Schwerin anunció dos nombramientos, efectivos a partir del 1 de julio de 2023: la Revda. Fabiola Grandon-Mayer para el cargo de Directora de Ministerios Conexionales y la Revda. Arlene Christopherson como Asistente del Obispo.
Church Leadership
El Rev. Joel Mora Peña, quien tuvo una trayectoria ministerial única sirviendo como obispo en la Iglesia Metodista de México y luego como pastor en la Conferencia Anual de Río Grande de La Iglesia Metodista Unida, murió el 3 de enero a los 88 años. Foto cortesía de Meliza Gómez.

Rev. Joel Mora Peña: un obispo mexicano que se convirtió en pastor en EE.UU.

El Rev. Joel Mora Peña, quien se desempeñó como líder episcopal en la Iglesia Metodista de México antes de emigrar a los EE. UU. y liderar como pastor, varias iglesias metodistas unidas en la Conferencia Anual de Río Grande, falleció el 3 de enero a los 88 años.
Salud Mundial
Dulce es una niña de 10 años, quien vive con una enfermedad grave llamada anemia de fanconi, que tiene un pronóstico desalentador. Dulce niña guatemalteca Foto cortesía de Defensa Metodista Unida de Carolina del Sur. Foto cortesía de la Conferencia Anual de Carolina del Sur.

Misión médica metodista espera traer esperanza a niña guatemalteca

Sanando Guatemala pudo encontrar un hospital en Corea del Sur, donde los costos son un tercio en comparación con los Estados Unidos, donde pudiera ser operada Dulce, y esta ayudando a conseguir los fondos para ayudar a la familia a cubrir la intervención.