Igreja de Pulaski faz home run e oferece adoração em um estádio

Other Manual Translations: español

PULASKI, Va. - Os bancos são assentos de estádio. A congregação não está olhando para o púlpito, mas para o campo onde o pastor usa um boné. O coro está sentado no banco de reservas.

A Primeira Igreja Metodista Unida de Pulaski não abriu as suas portas para o culto em pessoa desde a pandemia COVID-19 em meados de março. No entanto, os líderes da igreja encontraram um lugar para se reunir ao ar livre, onde os fiéis podem ficar com segurança distantes uns dos outros: um estádio de beisebol da liga menor, lar dos Pulaski Yankees.

Calfee Park: "Fuente del orgullo cívico". Foto cortesia de la Conferencia Anual de Holston.

Calfee Park: "Fonte de orgulho cívico". Foto cortesia da Conferência Anual Holston.

 

“Calfee Park é um grande negócio e uma fonte de orgulho cívico”, disse Hank Hanks, líder da equipe de louvor de adoração. “É um ótimo ponto de contato para a comunidade, e a ideia de adoração ali parecia imediatamente familiar.”

A Primeira Igreja Metodista Unida tem adoração online todos os domingos de manhã, alcançando “o dobro de pessoas de uma forma significativa do que antes da pandemia”, disse o Rev. Will Shelton.

A ideia de adorar no Calfee Park surgiu depois que a Conferência de Holston divulgou diretrizes de segurança para as igrejas retomarem o culto em pessoa em junho, após semanas fechando as portas para evitar a propagação do vírus. Entre outras coisas, as diretrizes eliminam coros, restringem os assentos e proíbem o canto congregacional.

 

El Rev. Will Shelton: Libertad para ser fructífero. Foto cortesía de la Conferencia Anual de Holston.

Rev. Will Shelton: Liberdade para ser frutífero. Foto cortesia da Conferência Anual Holston.

 

“Para nós, parecia que tentar oferecer adoração em pessoa na igreja era mais sobre o que tínhamos a dizer 'não'”, disse Shelton. “Queríamos um espírito de convite que fosse mais sobre o que poderíamos dizer 'sim'.”

Shelton se aproximou do gerente geral do Calfee Park, sede da afiliada da Appalachian League do New York Yankees. A Primeira Igreja Metodista Unida já tinha uma conexão com o estádio depois de patrocinar refrescos para fãs de beisebol no passado.

 

Foto cortesía de la Conferencia Anual de Holston.

Ballpark é um "lugar legal para convidar alguém". Foto cortesia da Conferência Anual Holston.

 

“Nesta cidade, esse estádio é onde a maioria das pessoas se reúne. É um lugar legal para convidar alguém”, disse Shelton.

Shelton soube que os torneios de beisebol ocupavam o estádio de 3.200 lugares nos fins de semana, mas as noites de quarta-feira estavam abertas. Os líderes da Igreja decidiram oferecer adoração no meio da semana no estádio a cada três semanas.

“Se tentarmos oferecer adoração aproximada todas as semanas, podemos perder um pouco do que o torna único”, disse o pastor. “Fazer isso uma vez por mês parecia muito longe.”

No estádio, o comparecimento às quartas-feiras à noite variou de 95 a 115 pessoas - cerca de 70 por cento do comparecimento médio da Primeira Metodista Unida antes da pandemia (170). A maioria dos participantes são membros da igreja, mas os convidados estiveram presentes em cada uma das três reuniões de quarta-feira até agora.

Shelton diz que a adoração no estádio - em vez de adoração no prédio da igreja - é uma situação em que todos ganham porque seus fiéis fizeram um bom trabalho participando da adoração online, oportunidades missionárias e doações financeiras. Na Primeira Metodista Unida, as doações financeiras caíram apenas 3%, em comparação com as doações do ano até a data em 2019.

 

El equipo de alabanza se instala frente al banquillo. Foto cortesía de la Conferencia Anual de Holston.

A equipe de louvor se posiciona em frente ao banco de reservas. Foto cortesia da Conferência Anual Holston.

 

“Tivemos a liberdade de tomar decisões sobre o que seria mais frutífero, o que faz discípulos, em vez de decisões baseadas em como sobreviver”, disse ele.

Assine a nossa nova newsletter eletrônica em espanhol e português UMCOMtigo

Assine a nossa nova newsletter eletrônica em espanhol e português UMCOMtigo
Você gosta do que está lendo e quer ver mais? Inscreva-se para receber nosso novo boletim eletrônico da UMCOMtigo, um resumo semanal em espanhol e português, com notícias, recursos e eventos importantes na vida da Igreja Metodista Unida

¡FIQUE INFORMADO!

Os adoradores podem se locomover o quanto quiserem no estádio, e as crianças também têm mais liberdade para serem ativas e fazer barulho. O pastor e a banda de louvor montaram em frente ao dugout (abrigo coberto), atendendo ao pedido da administração para ficar longe da grama.

A banda de louvor tem o trabalho árduo de carregar o equipamento e adaptar o sistema de som, disse Hanks, mas ele está feliz que seus pais de 80 anos tenham se sentido seguros o suficiente para ir ao Calfee Park para o culto.

 

El equipo de alabanza se instala frente al banquillo. Foto cortesía de la Conferencia Anual de Holston.

O espaço do estádio faz com que os fiéis se sintam mais seguros. Foto cortesia da Conferência Anual Holston.

 

“Eles não têm muitas outras opções no momento”, disse Hanks, que também é médico. "Eles não vão voltar para o prédio da igreja até que isso acabe."

O tempo tem cooperado até agora, embora o pastor, a equipe de louvor e o coro tenham descoberto onde realocar dentro do estádio se chover. Quanto ao outono e inverno, o pastor está considerando arranjar um horário de domingo à tarde no estádio, quando os torneios de beisebol terminam no final de outubro.

“Acho que poderia observar a previsão e encontrar um dia de 50- graus em que ainda pudéssemos fazer isso”, disse ele.

 

 

*Annette Spence é editora do The Call, o jornal da Conferência de Holston. A Conferência Holston inclui 853 congregações Metodistas Unidas em East Tennessee, Southwest Virginia e North Georgia.

**Sara de Paula é tradutora independente. Para contatá-la, escreva para [email protected]

Missão
Bispo Scott Jones visita o aluno da 3ª série, Dondren Wilson, no primeiro dia do programa Santuários de Aprendizagem na Igreja Metodista Unida Trinity em Houston. O programa, iniciado pela Conferência do Texas da Igreja Metodista Unida, oferece um espaço seguro, acesso à Internet e outros recursos nas igrejas da área, permitindo que os pais retornem ao trabalho e seus filhos continuem seus estudos durante a pandemia COVID-19. Foto de Mike DuBose, Notícias MU.

As igrejas de Houston tornam-se santuários de aprendizagem para estudantes

O programa “Santuários da Aprendizagem” da Conferência Anual do Texas foi lançado em 8 de setembro para alunos que não precisavam mais ir à escola após as férias de verão.
Missão
Incêndios florestais queimam durante uma noite de meados de agosto perto de Susanville, Califórnia. Uma série de incêndios florestais destruiu mais de 30.000 acres de terra ao redor de Susanville. Foto de Doug Magill, Exército dos EUA.

Incêndios e coronavírus complicam a ajuda humanitária no Ocidente

Depois de um furacão ou tornado, equipes de ajuda humanitária e voluntários da igreja freqüentemente entram em ação. Tal resposta não foi possível diante do grande número de incêndios florestais.
Missão
O estudante de ensino médio Sylvestre Muthoma se prepara para voltar às aulas em Bukavu, no Congo. As escolas reabriram em Agosto para aqueles que precisam fazer os exames finais para graduar. Foto de Philippe KitukaLolonga, Noticias MU.

Escolas africanas se adaptam aos requisitos de saúde

Com mais de 1 milhão de casos de COVID-19 confirmados em África, as escolas e universidades da Metodista Unida enfrentam desafios sem precedentes. Os comunicadores das Noticias MU compartilham como as escolas e igrejas estão se adaptando.