Violência

Preocupações Sociais
Durante sua reunião on-line em 26 de agosto, os bispos afirmaram unanimemente uma declaração abordando a violência armada. Para parar a epidemia de violência armada nos EUA e em todo o mundo, os bispos estão pedindo aos Metodistas Unidos que elevem suas orações a Deus e entrem em contato com seus líderes eleitos. Captura de tela cortesia do Conselho de Bispos via Zoom pela Notícias MU.

Bispos pedem rejeição da 'idolatria de armas'

Para superar a crise da violência armada nos EUA e em todo o mundo, os bispos exortam o povo Metodista Unido a orar e alcançar seus líderes eleitos.
Preocupações Sociais
O Rev. Lev Shults traz uma saudação a um culto combinado de congregações de língua checa e russa na Igreja Metodista Unida Praga 2 em Praga, República Checa. Shults lidera a Igreja Metodista Unida Agapé, a congregação de língua russa. Foto por Mike DuBose, Notícias MU.

Congregação de língua russa apoia refugiados ucranianos

Enquanto russos e ucranianos se envolvem em guerra em várias partes da Ucrânia, uma congregação Metodista Unida de língua russa em Praga está encontrando maneiras de apoiar os refugiados.
Conferência Anual
O Rev. Andrew C. Kjorlaug, um ancião da Conferência do Arkansas e capelão do Exército dos EUA, apresenta uma resolução na Conferência Anual do Arkansas que convida a delegação do Congresso do estado a agir sobre a “legislação responsável sobre armas de fogo”. Em um ano que viu vários tiroteios em massa, o Arkansas estava entre várias conferências Metodistas Unidas pedindo aos líderes eleitos que fizessem mais para regular as armas. Captura de tela cortesia da Conferência do Arkansas via YouTube pela Notícias MU.

Conferências agem a respeito da violência armada

Mesmo que as conferências anuais se encontrem no meio de discussões sobre desfiliações da igreja local e desacordos sobre a inclusão LGBTQ, elas estão pedindo ação e aprovando resoluções, além da retórica e dos chamados necessários à oração, sobre o grave problema da violência armada na sociedade americana.
Violência
O Reverendo. Autura Eason-Williams, superintendente do distrito metodista unido, de 52 anos, foi morta por dois adolescentes em 18 de julho em frente à sua casa para roubar seu carro. Foto cortesia do BMCR (Caucus Metodista Negro para Renovação da Igreja).

Segundo adolescente é acusado de matar líder da Igreja Metodista Unida

A promotoria está apresentando acusações de adultos contra os dois adolescentes, de 14 e 17 anos, acusados de assassinato e que seriam elegíveis para serem transferidos para um tribunal adulto, de acordo com a lei estadual do Tennessee.
Loading