Planos cancelados para GC2024 nas Filipinas

Other Manual Translations: English español
Bishop Rodolfo Alfonso “Rudy” Juan, who leads the Davao Area in the southern Philippines, preaches at the Commission on General Conference meeting in Lexington, Ky. Juan expressed disappointment in the decision not to hold the 2024 General Conference in the Philippines. Photo by Heather Hahn, UM News.
O bispo Rodolfo Alfonso “Rudy” Juan, que lidera a Área de Davao, no sul das Filipinas, prega na Comissão sobre a reunião da Conferência Geral em Lexington, Ky. Juan expressou desapontamento com a decisão de não realizar a Conferência Geral de 2024 nas Filipinas. Foto de Heather Hahn, Notícias MU. 

Os organizadores cancelaram, por enquanto, os planos para realizar a primeira Conferência Geral da Igreja Metodista Unida fora dos Estados Unidos.

Atrás de portas fechadas, a Comissão da Conferência Geral decidiu cancelar a ida a Manila, Filipinas, para a reunião de 2024 da principal assembléia legislativa da denominação.

"A decisão foi baseada apenas na falta de disponibilidade", disse o reverendo Gary George, secretário da comissão, ao relatar a decisão do grupo.

"Implicações financeiras e o clima atual na igreja não foram fatores na decisão", acrescentou.
George, membro da Conferência de East Ohio, relatou os momentos de decisão da comissão antes de encerrar sua reunião de 7 a 9 de agosto, na Primeira Igreja Metodista Unida em Lexington, Kentucky.

A decisão vem menos de um ano antes da próxima Conferência Geral. Minneapolis sediará esse encontro entre 5 e 15 de maio. A comissão ainda não determinou onde será a Conferência Geral de 2024.
A Igreja Metodista Unida e os seus antecessores tem realizado uma Conferência Geral de quatro em quatro anos desde 1792.

Independentemente das razões, os membros da Comissão das Filipinas ainda expressaram desapontamento com a decisão.

“Eu me sinto tão triste. Falei apaixonadamente sobre o meu desapontamento com essa decisão”, disse o bispo Rodolfo Alfonso “Rudy” Juan, membro da comissão. "Eu não apoiei o cancelamento, mas eu respeito a decisão".

Juan, que lidera a Área de Davao, no sul das Filipinas, inicialmente emitiu o convite para a assembléia legislativa superior da denominação se reunir em seu país de origem.

Phebe Cosmiano, membro da comissão e diaconisa da Conferência de Visayas, disse que a reunião de agosto foi a primeira vez que ouviu falar sobre possíveis problemas com a realização da grande reunião em Manila.

"Há frustração", disse ela. “Meu bispo fez o melhor que pôde para lutar por isso. Mas a decisão é final… Apesar disso, sei que Deus sempre contrói um caminho”.

A questão era a disponibilidade de quartos de hotel e espaço para convenções para a assembleia, disse Sara Hotchkiss - gerente de negócios da Associação Geral - à Notícias Metodista Unida.

Em março, os Metodistas Unidos em Manila receberam cerca de 75 líderes de igrejas que estão elaborando propostas sobre quais partes do Livro de Disciplina se aplicam globalmente e quais partes podem ser adaptadas na África, Europa e Ásia.

No entanto, esse foi um encontro significativamente menor do que a típica Conferência Geral, que atrai milhares de pessoas.

The Union Theological Seminary choir, under the direction of Deborrah Reyes, helps lead closing worship for an international United Methodist meeting in Manila, Philippines, in March. The seminary, co-founded by Methodists, is the oldest Protestant seminary in the Philippines. Photo by Heather Hahn, UM News.
Legenda: O coro do Seminário Teológico da União, sob a direção de Deborrah Reyes, ajuda a liderar o culto de encerramento para uma reunião internacional Metodista Unida em Manila, Filipinas, em março. O seminário, co-fundado pelos metodistas, é o mais antigo seminário protestante das Filipinas. Foto de Heather Hahn, Notícias MU. 

A Comissão da Conferência Geral originalmente autorizou planos em 2015 para trabalhar na realização da Conferência Geral em Manila em 2024 e em Harare, Zimbábue em 2028.

Na época, Hotchkiss levantou preocupações durante a sessão pública sobre se a capital das Filipinas tinha o espaço para o maior encontro da denominação.

Ela disse que o Centro Internacional de Convenções da cidade tinha cabines montadas para intérpretes, mas seria necessário assentos no teatro, ao invés das mesas que os delegados costumam usar durante a plenária. Ela também disse que o hotel mais próximo tinha um cassino a uma curta distância, um destino em conflito com os Princípios Sociais da denominação.Mesmo em 2015, a comissão concordou que nenhum contrato seria assinado a menos que as instalações fossem suficientes.

Embora a infraestrutura fosse a principal preocupação, a verdade é que a decisão da comissão vem em um momento estressante para a denominação.

Após a Conferência Geral especial de 2019 - convocada para tratar do debate de longa data da denominação sobre a homossexualidade - os líderes Metodistas Unidos têm discutido sobre maneiras de dividir a denominação ao longo de linhas teológicas. O apoio aos ministérios gerais da igreja, incluindo a Conferência Geral, também diminuiu significativamente.
Ainda assim, Juan manteve a esperança de que as Filipinas possa um dia ser a anfitriã dos decisores metodistas unidos de todo o mundo.
Durante o culto de encerramento, ele disse: "Talvez a Conferência Geral seja Manila em 2028".

* Hahn é repórter multimédia da Notícias Metodista Unida. Entre em contato com ela pelo telefone (615) 742-5470 ou newsdesk@umcom.org. Para ler mais notícias da Metodista Unida, assine os resumos diários ou semanais gratuitos.

** Sara de Paula é tradutora independente. Para contatá-la, escreva para IMU_Hispana-Latina @umcom.org 

Área Geral da Igreja
O Bispo John K. Yambasu, da Serra Leoa, discursa em uma reunião do Colégio de Bispos da África em Mutare, Zimbábue. Os bispos disseram que a igreja continuaria na África após a Conferência Geral de 2020. Foto de Tim Tanton, Notícias MU.

Bispos africanos se opõem a planos de separação

Em uma declaração no final do retiro do Colégio dos Bispos da África, os bispos disseram que a igreja continuaria na África depois da CG2020.
Área Geral da Igreja
O Plano de Indianápolis visualiza a integração de duas outras denominações "metodistas unidos" tradicionalista, centrista / progressista integrada ou separada de acordo com sua perspectiva sobre a inclusão da comunidade LGBTQ+ na igreja. Foto ilustração Rev. Gustavo Vasquez, MU News.

Grupo esboça plano de separação para denominação

Um grupo de líderes de igrejas centristas, progressistas e tradicionalistas elaborou um plano para a Igreja Metodista Unida se separar amigavelmente
Área Geral da Igreja
Os bispos Thomas J. Bickerton (centro) e Gregory V. Palmer (à direita) conversam com colegas sobre procedimentos legislativos durante a Conferência Geral Metodista Unida de 2019 em St. Louis. Bickerton é o representante do Conselho dos Bispos na Comissão da Conferência Geral. A Comissão da Conferência Geral - que se reuniu a portas fechadas - revisou uma investigação que encontrou evidências de quatro pessoas inelegíveis votando com as credenciais dos delegados que não estavam presentes. Foto de arquivo por Mike DuBose, Notícias MU.

Votação indevida no GC2019 anula voto chave

Uma investigação sobre a Conferência Geral determinou que o número de eleitores inelegíveis era suficiente para afetar um voto sobre como as igrejas podem deixar a denominação.