A Questão Metodista: O que a Bíblia quer dizer com "paz"?

Other Manual Translations: español

A palavra hebraica que traduzimos como paz é “shalom”. A forma como “shalom” é usado não significa sentir calma nem ausência de conflito. Em vez disso, shalom, paz, é o resultado de relacionamentos corretos com Deus, uns com os outros e com a criação. O conceito de paz é totalidade em toda a vida.

O Conselho de Bispos Metodistas Unidos, na sua declaração de 1986 “Em Defesa da Criação”, descreveu o fundamento bíblico da paz:

“No coração do Antigo Testamento está o testemunho de shalom, aquela maravilhosa palavra hebraica que significa paz. Mas a paz que é shalom não é negativa ou unidimensional. É muito mais do que ausência de guerra. Shalom é paz positiva: harmonia, integridade, saúde e bem-estar em todos os relacionamentos humanos. É o estado natural da humanidade nascida por Deus. É a harmonia entre a humanidade e toda a boa criação de Deus. Toda a criação está inter-relacionada. Cada criatura, cada elemento, cada força da natureza participa de toda a criação. Se o shalom for negado a qualquer pessoa, todos serão diminuídos”. (Domingo da Paz com Justiça e Oferta Especial, Livro de Resoluções 2016). 

No Novo Testamento, Paulo começa suas cartas com "Graça a você e paz da parte de Deus nosso Pai e do Senhor Jesus Cristo". Os bispos explicaram: “As cartas de Paulo anunciam que Jesus Cristo é a “nossa paz”. Foi Cristo quem “quebrou a barreira do ódio que nos dividia”, criando uma só humanidade, vencendo a inimizade e fazendo a paz (Efésios 2: 14-19)."

Os Metodistas Unidos reconhecem que “a terra de Deus anseia por paz. Conflitos domésticos, violência e abuso interpessoal, conflito civil, confrontos étnicos e raciais, cisma religioso e rivalidade inter-religiosa, ataques terroristas, guerras entre nações e ameaça de uso de armas nucleares, químicas e biológicas - tudo isso nos impede de alcançar o shalom de Deus.”

Assine a nossa nova newsletter eletrônica em espanhol e português UMCOMtigo

Assine a nossa nova newsletter eletrônica em espanhol e português UMCOMtigo
Você gosta do que está lendo e quer ver mais? Inscreva-se para receber nosso novo boletim eletrônico da UMCOMtigo, um resumo semanal em espanhol e português, com notícias, recursos e eventos importantes na vida da Igreja Metodista Unida

¡FIQUE INFORMADO!

“A Bíblia faz da justiça a companheira inseparável da paz (Isaías 32:17; Tiago 3:18). Ambos apontam para relacionamentos corretos e sustentáveis na sociedade humana, a vitalidade de nossas conexões com a terra, o bem-estar e a integridade da criação. Conceber a paz à parte da justiça é comprometer a esperança de que a justiça e a paz envolvam (Salmo 85:10).”

Como será a paz? Quando há paz, ninguém passa fome. Quando há paz, ninguém é abandonado para se defender sozinho. Quando há paz, apoiamos a prosperidade uns dos outros. Quando há paz, as diferenças são celebradas como presentes para o bem de todos. Quando há paz, nenhuma ameaça externa (embora possa haver algumas) nos impede de viver a vida mais plena possível. Quando há paz, também há todos os motivos para a alegria.

Quando oramos por paz e oferecemos uns aos outros a paz de Cristo, nos tornamos canais da paz sem fim de Deus que reordena o mundo em direção à integridade.

Quando agimos no espírito de Cristo, podemos “semear amor onde há ódio, podemos dispensar perdão onde há dano, podemos lançar luz onde há trevas. Como instrumentos de paz e justiça, podemos procurar substituir a discórdia pela harmonia e reparar o quebrantamento que destrói a totalidade de shalom.”

As cartas de Paulo garantem que a paz não é algo que tenhamos que esperar em um futuro ainda a ser determinado. A paz está sendo derramada sobre nós por Deus agora mesmo. Os bispos nos lembram: “Não importa o quão ruim as coisas estejam, o trabalho criativo de Deus continua. A ressurreição de Cristo nos assegura que a morte e a destruição não têm a última palavra. Paulo ensinou que, por meio de Jesus Cristo, Deus oferece a redenção a toda a criação e reconcilia todas as coisas, 'seja na terra ou no céu' (Colossenses 1:20). O Espírito de Deus está sempre e em toda parte trabalhando no mundo lutando contra a pobreza, restaurando a saúde, renovando a criação e reconciliando os povos”. 

Saber mais 

Tem perguntas? Pergunte à UMC ou converse com um pastor perto de você. Verifique outras perguntas e respostas recentes.

 

* Este conteúdo foi produzido por Ask The UMC (Pergunte à UMC), um ministério das Comunicações Metodistas Unidas.

** Sara de Paula é tradutora independente. Para contatá-la, escreva para [email protected].  Entre em contato com ele pelo telefone 615-742-5470 ou [email protected]. Para ler mais notícias da Metodista Unida, assine os resumos quinzenais gratuitos.

Human Rights
Membros e apoiadores da Coalition of Immokalee (Fla.) Workers (Aliança dos Trabalhadores de Immokalee, Flórida) oram em Nashville, Tennessee, na conclusão de um protesto contra a recusa da rede de supermercados Publix em aderir a um programa de direitos trabalhistas dos trabalhadores agrícolas. O Livro de Resoluções da Igreja Metodista Unida exige que os empregadores "tratem os trabalhadores agrícolas e suas famílias com dignidade e respeito". Foto de Mike DuBose, Notícias MU.

A Questão Metodista: A Igreja Metodista Unida apoia os direitos dos trabalhadores?

A Igreja Metodista Unida, através dos seus Princípios Sociais, reconhece e apoia o direito dos trabalhadores de se organizarem em sindicatos.
Teologia
Estátua de John Wesley em Savannah, Georgia. Foto por Daniel X. O'Neil, Creative Commons.

A Questão Metodista: O que Wesley pensaria?

O Rev. Glenn Wagner afirma: “Pode ser frutífero abordar os desafios de hoje com a orientação do fundador visionário do Metodismo, John Wesley.”
Racismo
Os Metodistas Unidos oram antes de uma manifestação nacional em Washington para acabar com o racismo em 2018. Foto de arquivo de Kathy L. Gilbert, Notícias MU.

A Questão Metodista: O que a Igreja Metodista Unida diz sobre o racismo?

A igreja reconhece a existência do privilégio dos brancos como uma causa subjacente da desigualdade.