Dotson lembrado por ver todas as pessoas

Other Manual Translations: English español

O Rev. Junius B. Dotson gostava de dizer: “O discipulado começa com o relacionamento”. Num “culto de partida para casa” transmitido ao vivo em 6 de março, os Metodistas Unidos celebraram a vida de Dotson. Uma vida de construção de relacionamentos e fortalecimento da fé em todo o mundo.
 
Dotson - o principal executivo dos Ministérios de Discipulado desde 2016 - morreu em 25 de fevereiro, aos 55 anos. Menos de um mês depois de anunciar sua batalha contra o câncer de pâncreas.
 
“Podemos celebrar a vida dele esta manhã porque Junius foi um pai dedicado; ele era um amigo dedicado; ele era um fã obstinado dos Cowboys. Mas, acima de tudo, ele era um seguidor fiel de Jesus Cristo”, disse o reverendo Michael L. Bowie Jr., um amigo que serviu como uma espécie de mestre de cerimônias para o serviço. Bowie é o diretor executivo da denominação da Strengthening the Black Church for the 21st Century (Fortalecendo a Igreja Negra para o Século XXI).

O serviço foi realizado na Igreja Metodista Unida Windsor Village em Houston, que Dotson cresceu frequentando com sua avó. A congregação também está entre as maiores da denominação.

Bispos, pastores proeminentes e outros líderes Metodistas Unidos juntaram-se aos membros da família de Dotson e amigos próximos no serviço. Tomando precauções contra COVID-19, eles sentaram-se socialmente distantes um do outro e usaram máscaras.

Amigos e familiares também usaram fitas roxas, um esforço para aumentar a conscientização sobre o câncer de pâncreas, como Dotson tentou fazer em seus últimos dias.

Durante o culto de três horas, os líderes de louvor com quem Dotson havia trabalhado ao longo de seu ministério cantaram alguns de seus hinos favoritos, incluindo “It Is Well With My Soul” (Está tudo bem com a minha alma). 

Os entes queridos também compartilharam histórias sobre Dotson - que muitos chamavam de “JD”. Eles falaram sobre como, quando adulto, Dotson se comprometeu a aprender a preparar carne assada e a tocar piano. Eles o descreveram como um líder inovador e mentor inspirador.

Principalmente, seus amigos falaram sobre o impacto de Dotson na Igreja Metodista Unida que ele amava. Eles o celebraram como um líder da denominação que nunca perdeu o foco na igreja local; como defensor de uma denominação totalmente inclusiva que nunca esqueceu suas raízes na igreja negra; e como um visionário que via as pessoas mesmo quando elas nunca tinham ido à igreja.

“A paixão de Junius Dotson era trazer e continuar a fortalecer o discipulado nas igrejas locais porque ele tinha sido um pastor - um pastor muito eficaz e frutífero - por muito tempo”, disse o Rev. Mark Norman, seu amigo e superintendente distrital em Arkansas.

Antes de ingressar no Ministério de Discipulado, Dotson foi pastor por mais de 25 anos. Ele era um plantador de igrejas no norte da Califórnia e pastor da mega-igreja St. Mark's em Wichita, Kansas.

Essas experiências o ajudaram muito quando, sob sua liderança, os Ministérios de Discipulado introduziram a iniciativa “See All the People” (Ver Todas as Pessoas). O objetivo da campanha é ajudar as igrejas locais - como diz a canção infantil - a ver as pessoas em suas comunidades e compartilhar o amor transformador de Cristo.

A Presidente do Conselho de Bispos, Cynthia Fierro Harvey, atribuiu a Dotson a abertura dos olhos dos Metodistas Unidos “às questões de justiça, inclusão e equidade e igualdade, e ajudou-nos verdadeiramente a ver todas as pessoas”.

Outros líderes da igreja testificaram que, para Dotson, “Ver Todas as Pessoas” não era apenas um slogan atraente, mas um modo de vida. Ele fez as pessoas se sentirem vistas.

“Ele teve uma visão para que a igreja inteira visse todas as pessoas para atraí-las a Cristo e ver vidas mudadas pelo trabalho que fazemos”, disse o Rev. Adam Hamilton, pastor sênior da Igreja Metodista Unida da Ressurreição no Kansas, em uma homenagem em vídeo.

Isso incluía pessoas LGBTQ, cujo status na denominação tem sido uma fonte de discórdia por décadas. Dotson foi um dos 16 líderes religiosos que negociaram o Protocolo de Reconciliação e Graça através da Separação, na esperança de criar um caminho para que as pessoas LGBTQ fossem incluídas em todos os aspectos da vida Metodista Unida.

Hamilton comparou Dotson a alguém jogando uma pedra em um lago.

“Cada lugar que ele pousava havia uma ondulação”, disse Hamilton. “Essa onda continua em nós, em cada pessoa que foi afetada pelo que escreveu, o que pregou, o que disse, o que fez, como liderou. Continuamos a ser aquela onda que muda o mundo.”
 
O Rev. Kevass J. Harding, pastor líder da Igreja Metodista Unida Dellrose em Wichita, Kansas, foi um dos oito pastores Negros em todo o país que Dotson reuniu para um grupo de oração online chamado Shift-180. 

Assine a nossa nova newsletter eletrônica em espanhol e português UMCOMtigo

Assine a nossa nova newsletter eletrônica em espanhol e português UMCOMtigo
Você gosta do que está lendo e quer ver mais? Inscreva-se para receber nosso novo boletim eletrônico da UMCOMtigo, um resumo semanal em espanhol e português, com notícias, recursos e eventos importantes na vida da Igreja Metodista Unida

¡FIQUE INFORMADO!


“Todas as manhãs às 6h30 de segunda a sexta-feira, pegávamos nosso Zoom, ríamos e chorávamos, e ríamos e chorávamos mais um pouco”, disse Harding. “Agradeço a Deus por esse grupo porque nos ajudou a superar a pandemia.”

 

Em um elogio, Kirbyjon Caldwell - o ex-pastor de Windsor Village - referiu repetidamente "o gênio de Junius".

“Muitas pessoas amam as coisas e as usam. Você deveria amar as pessoas e usar as coisas”, disse Caldwell.

“A genialidade de Junius é que ele entendeu que os indivíduos sempre seriam maiores do que as instituições.”

Mais de 660 pessoas assistiram online e muitas usaram a função de bate-papo para compartilhar como Dotson tocou suas vidas.

“Sua vida impactou a minha e a de muitos de maneiras profundas e poderosas”, escreveu a Revda. Ginger Gaines-Cirelli, pastora sênior da Igreja Metodista Unida Foundry em Washington. Ela e Dotson foram co-organizadores do grupo UMCNext que está trabalhando na igreja do futuro.

“Vamos continuar o trabalho, irmão”, escreveu Gaines-Cirelli. "E vamos sentir muito a sua falta." 

Toska Medlock Lee, parceira de ministério de Dotson e melhor amiga, acompanhou Dotson em seus últimos dias e organizou grande parte do serviço do dia. Ela disse aos reunidos que em seu último dia, a última pergunta de Dotson foi: "O que isso tudo significa?"

“Acredito que Junius sabia a resposta, mas também acredito que sua pergunta final era especificamente para todos nós”, disse ela. “Você já se perguntou: 'O que tudo isso significa?' Pense nisso. Esta é uma pergunta simples e perfeita para os crentes se perguntarem.”

Lee acrescentou que, ao fazer a pergunta, Dotson esperava ajudar os próprios discípulos a se tornarem professores.

Mesmo no hospital, ela disse, Dotson tinha como objetivo fortalecer a fé das pessoas. Ele disse a Lee que Deus é confiável.

Fazer discípulos é onde Dotson encontrou seu propósito em todo o seu ministério. Ele também disse frequentemente aos líderes da igreja: “Se você construir uma igreja, raramente terá discípulos. Mas se você fizer discípulos, sempre terá a igreja”.

Os filhos de Dotson, Wesley e Janelle, também falaram brevemente durante o culto para expressar gratidão por todos que os procuraram.

“Estou surpreso com o impacto que seu ministério teve em tantas vidas em todo o mundo e como ele dedicou sua vida a ajudar outros a se aproximarem de Deus”, escreveu Wesley no programa de serviço. “Ouvir todas as suas histórias sobre o que meu pai significava para você é algo que vou valorizar muito.”

 

*Hahn é editora assistente de notícias da Notícias MU. Contate-a em (615) 742-5470 ou [email protected]. Para ler mais notícias da Metodista Unida, assine os resumos quinzenais gratuitos.

**Sara de Paula é tradutora independente. Para contatá-la, escreva para [email protected].

Church Leadership
Revda. Ximena A. Diaz-Varas. Foto cortesia da Conferência Anual de Nova York.

Revda. Ximena A. Diaz-Varas é nomeada para servir como Assistente do Bispo Bickerton

The Revda. Ximena A. Díaz-Varas foi nomeada para servir como Assistente do Bispo Bickerton, a partir de 1º de julho de 2021.
Missão
Na linha superior, da esquerda para a direita: Rev. Montreal Martin, Revda. Rosedanny Ortiz e Rev. Carlos Ramirez. Na linha inferior, da esquerda para a direita: Rev. David Rangel, Revda. Martha Valencia e a Revda. Silvia Wang. Foto cortesia da Conferência Anual do Norte do Texas.

JTRJ Anuncia Grupo Inaugural de “Promessa de Liderança de Ministério

O programa de bolsa "Promessa de Liderança Ministerial" é patrocinado pela Conferência Anual do Norte do Texas e pela Fundação Metodista do Texas.
Área Geral da Igreja
O Rev. Jeffrey Campbell é um presbítero ordenado da Conferência Anual Expandida de Nova Jersey que se juntou aos Ministérios de Discipulado desde 2013. Foto cortesia de Ministérios de Discipulado da Igreja Metodista Unida

Rev. Jeffrey Campbell é nomeado secretário-geral interino dos Ministérios de Discipulado

O Rev. Jeffrey Campbelll é um presbítero ordenado da Conferência Anual Expandida de Nova Jersey que se juntou aos Ministérios de Discipulado desde 2013.