Igreja na Geórgia arrecada fundos para abrigo local por meio da dança

Other Manual Translations: Español

Dr. Scott Hagan é um profissional em dança através de difíceis questões teológicas, mas em 18 e 21 de novembro ele colocará seus movimentos de dança reais à prova enquanto ostenta sua equipe no palco, na frente de centenas de amigos e familiares de Statesboro.

O Dr. Hagan, pastor sênior da Primeira Igreja Metodista Unida de Statesboro, e sua parceira de dança, Eastyn Durrence, uma estudante da Universidade do Sul da Georgia e ex-dançarina competitiva, são uma das 10 equipes da competição Dancing with the Statesboro Stars (Dançando com as Estrelas de Statesboro) deste ano.

Como autodenominadoa “dançarino médio”, Dr. Hagan e Durrence farão uma dança em grupo e uma dança individual - uma mistura de hip hop, jazz e o passo rápido - durante os dois shows.

Antes deste verão, a experiência de dança do Dr. Hagan era insignificante: uma introdução de seis semanas à dança de salão durante as aulas de educação física da quinta série e, 15 anos depois, uma aula de dança de salão latina com a então noiva e agora esposa, Julie.

“Eu sou apenas um dançarino realmente mediano”, disse Hagan, que é rápido em dar crédito a Durrence pelas habilidades de dança que ela possui. “É tão anormal para mim. Mas Eastyn é uma estrela do rock. Ela é uma ótima professora, é paciente e repete as etapas de novo e de novo.”

Mas dançar é apenas parte do programa.

Enquanto Dancing with the Statesboro Stars é uma competição de dança amadora que junta estrelas locais com profissionais locais para competir pelo melhor dançarino da noite, também é sobre arrecadar dinheiro - espero que muito. Dancing with the Statesboro Stars é o evento anual de arrecadação de fundos para Safe Haven of Statesboro (Porto Seguro de Statesboro), um abrigo contra violência doméstica que oferece ajuda a vítimas e crianças nos condados de Bulloch, Effingham, Jenkins, Screven, Candler e Washington.

Até agora, os esforços de arrecadação de fundos da Equipe Hagan e Durrence incluíram um torneio de golfe e uma dunk booth (tanque com alvo). Em algumas semanas, eles vão oferecer um jantar em um restaurante local para arrecadar mais dinheiro para Safe Haven.

A congregação da Primeira IMU de Statesboro há muito apoia o Safe Haven, disse o Dr. Hagan.

Assine a nossa nova newsletter eletrônica em espanhol e português UMCOMtigo

Assine a nossa nova newsletter eletrônica em espanhol e português UMCOMtigo
Você gosta do que está lendo e quer ver mais? Inscreva-se para receber nosso novo boletim eletrônico da UMCOMtigo, um resumo semanal em espanhol e português, com notícias, recursos e eventos importantes na vida da Igreja Metodista Unida

¡FIQUE INFORMADO!

“Como todas as igrejas metodistas na Geórgia do Sul, a Primeira IMU de Statesboro é conhecida nesta comunidade por seu compromisso em servir aos outros de maneiras práticas”, disse ele. “Esta é uma oportunidade para nossa igreja continuar fazendo isso”.

A congregação e a comunidade têm sido incrivelmente generosas, disse o Dr. Hagan. Quatorze membros da Primeira IMU de Statesboro dançaram nas 10 temporadas anteriores de Dancing with the Statesboro Stars. Eles apoiaram e incentivaram o Dr. Hagan e Durrence e ajudaram a orientá-los durante o processo.

E apesar de dançar e arrecadar fundos dar muito trabalho - Dr. Hagan e Durrence estimam que passam de seis a oito horas por semana praticando e trabalhando em projetos - as bênçãos excedem seu esforço.

“A economia de Deus está de cabeça para baixo”, disse Hagan. "Você acha que vai dar, mas acaba recebendo em vez disso."

Fortes amizades foram formadas entre os 20 dançarinos e o coreógrafo, Dr. Hagan e Durrence disseram. Eles oram juntos no final de cada prática em grupo e se conversam durante a semana.

“São relacionamentos profundos que esta oportunidade de servir nos proporciona”, disse o Dr. Hagan. “É uma grande causa e saímos com um profundo senso de comunidade com as pessoas que estão servindo.”

Durrence, que também atua como diretor assistente de ministérios da criança da Primeira IMU de Statesboro, diz que é um privilégio para os dois representar a igreja e uma oportunidade de servir de uma maneira diferente.

“Somos capazes de ministrar às pessoas por meio disso”, disse Durrence, que cresceu na Primeira IMU de Statesboro e dança intermitentemente há 18 anos. “É apenas um lembrete de que o que estamos fazendo é bom e a vida das pessoas vai mudar”.

Embora dançar seja divertido e entretenha, na verdade é apenas mais uma maneira de colocar sua fé em ação, disse Hagan.

“Jesus diz à Igreja em Atos, capítulo 1: 'Vocês devem ser minhas testemunhas em sua cidade natal, na sua região e em todo o mundo.' E estou convencido de que nosso testemunho é muito mais sobre o que fazemos e onde gastamos nosso tempo do que sobre o que dizemos”, disse ele. “Esta é uma maneira divertida de representar algo sobre o que muitas pessoas não querem falar e subestimam quantas outras são impactadas por isso.”

 

*Kara Witherow, editora do South Georgia Advocate. Contate em [email protected] ou ligue para o Escritórios de Ministérios Conexionais em 888-266-7642.

**Sara de Paula é tradutora independente. Para contatá-la, escreva para [email protected]. Para ler mais notícias da Metodista Unida, assine os resumos quinzenais gratuitos.

Preocupações Sociais
Camille Cody (esquerda), voluntária do Centenary Community Ministries Inc. em Macon, Geórgia, examina a papelada enquanto conversa com um homem sobre o programa de verificação de estímulo do governo dos EUA. Até agora, os voluntários ajudaram mais de 50 sem-teto e pobres a preencher os complicados formulários de impostos e solicitações necessárias para receber um cheque. Foto cedida pela página do Facebook dos Centenary Community Ministries.

As igrejas estendem as mãos para os sem-teto

Grupos Metodistas Unidos mantêm contato com pessoas sem-teto, devido à sua alta vulnerabilidade em meio à pandemia, para ajudá-las a permanecerem seguras.
Igreja Local
O incêndio deixou IMU Baxley em pé, mas grande parte do interior, incluindo um piano, um órgão, projetores, uma mesa de comunhão, uma manjedoura, luzes e pisos foram destruídos. Foto cortesia da Conferência Anual da Geórgia do Sul.

Velas do advento iniciam incêndio em igreja

A Primeira Igreja Metodista Unida (IMU) Baxley foi afetada por um incêndio no domingo, 15 de dezembro à tarde, mas nenhum ferimento foi relatado.